Anuncie aqui

terça-feira, 5 de julho de 2016

Pesquisa para prefeito em Timon aponta empate técnico

Pesquisa para a Prefeitura de Timon mostra o prefeito, pré-candidato a reeleição, Luciano Leitoa, à frente com 31,7%; Alexandre Almeida com 27% e Socorro Waquim com 19,3%.

A primeira pesquisa Escutec para a Prefeitura Municipal de Timon mostra o prefeito, pré-candidato a reeleição, Luciano Leitoa (PSB), à frente com 31,7% das intenções de voto dos eleitores; seguido pelo pré-candidato do PSD, deputado estadual Alexandre Almeida, que tem 27%. A diferença entre os dois é de 4,7 pontos percentuais. A margem de erro da pesquisa é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos. Em terceiro lugar aparece a ex- prefeita Socorro Waquim (PMDB) com 19,3% das intenções de voto dos eleitores de Timon.

Os que não manifestaram intenção de votar em nenhum dos três pré-candidatos na pesquisa estimulada, podendo optar por anular o voto ou votar em branco, somam 10%. Os que não souberam opinar ou preferiram não responder em quem votar para prefeito de Timon são 12%.


ESPONTÂNEA

Na pesquisa espontânea o prefeito Luciano Leitoa também está na frente com 28,7% das intenções de voto dos eleitores de Timon. Em seguida aparece o pré-candidato Alexandre Almeida com 20,7%. Socorro Waquim segue na terceira colocação com 12,3% das intenções de voto dos eleitores de Timon. Os que manifestaram não votar em ninguém são 5%. Os que não responderam ou não souberam opinar em quem votam de forma espontânea para prefeito de Timon são a maioria somando 33,3%.

Na pesquisa espontânea o eleitor é questionado pelo entrevistador: “Se as eleições fossem hoje, em quem o (a) senhor (a) votaria para prefeito?”. A resposta é anotada pelo pesquisador da Escutec. Portanto, não é apresentado ao eleitor o disco com os nomes dos pré-candidatos como acontece na pesquisa estimulada para prefeito realizada pela Escutec para o Grupo Meio Norte de Comunicação.


FICHA TÉCNICA

A pesquisa Escutec em Timon foi realizada de 28 a 30 de junho de 2016. Foram ouvidos 300 eleitores acima de 16 anos em entrevistas pessoais selecionados por quotas proporcionais em função das variáveis sexo, idade, instrução, renda e religião. A margem de erro é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança estimado é de 95%. Os resultados podem exceder ou ficar abaixo dos 100% devido a arredondamentos realizados pelo software.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob número MA-09449/2016 no dia 28 de junho de 2016.

A estatística responsável é Hildete Alves da Costa registrada no Conselho Federal de Estatística (CFE) da 5ª Região sob o número 8532 e no Conselho Regional de Estatística (Conre) da 5ª Região sob o número 032008.

(Jornal Meio Norte)

Nenhum comentário:

Postar um comentário