segunda-feira, 31 de julho de 2017

Recuo estratégico

Senador Roberto Rocha (PSB)
Depois da aparente derrota do senador Roberto Rocha para o governador Flávio Dino (PCdoB) pelo apoio do PSB, parece que o socialista - com personalidade tucana - se retraiu e não mais provocou ou desafiou o governador comunista ou membros do governo estadual.

A recuada de Roberto Rocha tem um motivo: ele aguardará as cenas dos próximos capítulos da novela do PSB. O partido - que nesse momento em nível nacional está rachado com a votação da denúncia da Procuradoria Geral da República contra o presidente Mihael Temer - vai fazer breve a eleição para escolha da direção nacional.

Na disputa os socialistas de São Paulo e os de Pernambuco. O que Rocha aguarda é a vitória dos membros do PSB paulista para que o partido volte ao seu comando, e dessa vez, não só a direção de São Luis, mas o comando do partido no Maranhão. Dentro dessa possibilidade, o senador conseguiria ser candidato a governador pelo PSB e ainda ficar livre para negociar sua sonhada aliança com o PSDB. (Coluna Estado Maior)

Nenhum comentário:

Postar um comentário