Anuncie aqui

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Após críticas de Alexandre Almeida, Flávio Dino diz que investirá R$ 8 milhões no Mais Asfalto em 2017

Gilberto Léda - O Governo do Maranhão resolveu reagir às críticas do deputado Alexandre Almeida (PSD) sobre o fim do “Mais Asfalto” em 2017.

Segundo o parlamentar, como não há eleição no ano que vem, também não há previsão orçamentária para o programa.

Mas os comunistas já caíram em campo.

Desde ontem anunciam que as obras de pavimentação devem atingir mais municípios no próximo ano. E revelam como conseguirão isso: investindo R$ 8 milhões na rubrica Mobilidade Urbana – foi a saída que encontraram para negar o fim da ação.

Mas vejamos: se em 2016 foram investidos, segundo o próprio governo, R$ 57 milhões, não é difícil imaginar que com R$ 49 milhões a menos as restrições serão bem maiores.

O próprio Alexandre Almeida tratou de exemplificar, em discurso na Assembleia.

“É lamentável que o secretário de Infraestrutura esteja defendendo essa tese. Eu disse e vou repetir, não existe o Programa Mais Asfalto, pois se existisse na lei, estaria no Plano Plurianual. E mais: só em Timon, Parnarama e Matões o governo executou, em 2016, R$ 5,078 milhões em ações de pavimentação, e em 2017 vai destinar R$ 8 milhões para todo o Maranhão?”, indagou mais uma vez Almeida.

“O governo precisa compreender que o nosso papel aqui é sempre no sentido de ajudar, contribuir, colaborar. E lamento muito que São Luís e muitos outros municípios fiquem sem asfalto em 2017, porque esse recurso não dá”, finalizou.


Nenhum comentário:

Postar um comentário