Anuncie aqui

sábado, 9 de dezembro de 2017

Alexandre Almeida se reúne com imprensa timonense e comenta cenário de 2018

O deputado estadual Alexandre Almeida (PSD) promoveu neste sábado, 09, um café da manhã, em sua residência, no Centro de Timon, com vários representantes da imprensa timonense. Ademar Sousa, Elias Lacerda, Eliézio Silva, Jorge Simplício, Ludwig Almeida, Ribinha e o titular deste blog, Eduardo Rego, se reuniram com o parlamentar timonense para um bate papo descontraído sobre os mais variados assuntos, passando, é claro, pela política local e pelo cenário para as eleições de 2018. 

Sobre o cenário político local, onde o governo Leitoa termina o primeiro ano de seu segundo mandato com salários dos servidores terceirizados em atraso, Alexandre voltou a criticar o que ele classificou como “administração desastrosa” de Luciano Leitoa. “Chegamos ao quinto ano de uma administração que não trouxe nada de bom para o município de Timon. Muitas promessas foram feitas, muito alarde quanto ao apoio do governador, mas de concreto a população de Timon não recebeu nada”, lamentou.

Ao ser questionado sobre o cenário de 2018, Alexandre Almeida ressaltou que o caminho natural é candidatar-se à reeleição para deputado estadual, mas que se surpreendeu com ampla repercussão positiva de uma pretensa candidatura sua ao Senado. “Confesso que me surpreendi com a repercussão positiva à proposta que recebi de lideranças políticas de Caxias para que lançasse a candidatura ao Senado. Recebi reações de apoio de todo o Maranhão, em especial da região leste maranhense. Essa é uma carência de representatividade da nossa região, na qual eu tenho a coragem e o empenho de me lançar. Mas o caminho mais natural ainda é a candidatura à reeleição”, pontuou.

A confraternização da imprensa com o deputado não teve o clima pesado de reunião política. Na verdade foi um bate papo entre um representante do povo timonense na Assembleia do Maranhão e os profissionais que trabalham todos os dias para levar as informações à nossa população, seja pelas ondas do rádio ou pelas páginas da internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário