Anuncie aqui

sexta-feira, 4 de maio de 2018

Presidenciável Geraldo Alckmin cumpre extensa agenda em São Luís

Maranhão Hoje - O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, pré-candidato a presidente da República pelo PSDB, cumpre extensa agenda em São Luís neste fim de semana, onde tem encontros com universitários, empresários e a militância do partido, quando deve declarar apoio às candidaturas do senador Roberto Rocha ao Governo do Estado e dos deputados José Reinaldo Tavares (federal) e Alexandre Almeida (estadual) ao Senado, bem como de outras lideranças à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa.

Alckmin desembarca às 17h de sexta-feira (04) no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, onde concede entrevista coletiva a jornalistas locais; às 18h30, participa de um debate com estudantes da Universidade Ceuma, onde conhecerá as instalações da Faculdade de Medicina; e em seguida será recepcionado pela classe empresarial na Villa Reale Buffett, no bairro do Calhau, num evento promovido pela Federação das Indústrias (Fiema), Federação do Comércio (Fecomércio), Associação Comercial do Maranhão (ACM) e Câmara dos Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL).

No sábado (05), às 08h30, inaugura a nova sede do PSDB, no bairro da Ponta d´Areia, e às 10h preside uma reunião de socialdemocratas maranhenses, quando falará das estratégias do partido para vencer a eleição presidencial e conquistar diversos governos estaduais, dentre eles o Maranhão, além da formação de ampla bancada no Congresso Nacional.

Expectativa – A vinda de Geraldo Alckmin ao Maranhão é recebida com muita expectativa pelo tucanato maranhense, que enxerga nestes eventos dos quais ele participa uma grande oportunidade para alavancar a campanha do pré-candidato ao Governo do Estado, senador Roberto Rocha, que na última sexta-feira (26) declarou que vai desenvolver todos os esforços para desbancar Roseana Sarney (MDB) do segundo turno a fim de que a disputa seja entre ele e o governador Flávio Dino (PCdoB).

Um dos momentos mais aguardados dessa agenda será o endosso às filiações dos deputados federais Waldir Maranhão e José Reinaldo Tavares, ambos cotados para compor a chapa majoritária do governador. José Reinaldo deverá ter a candidatura a senador confirmada e Maranhão deve disputar a reeleição.

O senador Roberto Rocha está mobilizando os diretórios do interior para que haja uma grande recepção a Alckmin, que ainda patina nas pesquisas de opinião pública, aparecendo atrás de Lula (PT), Jair Bolsonaro (PSL), Marina Silva (Rede) e Joaquim Barbosa (PSB), estando praticamente empatado com Ciro Gomes (PDT). Ainda assim, em todas as análises de especialistas deve ser o eleito em outubro deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário