Anuncie aqui

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Presidida por Rafael Leitoa, Comissão Especial discute a criação de Comitê de Bacias para São Luís

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira (18), na Assembleia Legislativa, a Comissão Especial Temporária para um Novo Modelo de Governança de Recursos Hídricos e Saneamento Básico no Estado do Maranhão, deu continuidade aos trabalhos, iniciando os debates para criação do Comitê de Upaon-Açu.

Com a participação do Movimento Ecos Trabalhista, representando a sociedade civil, foi dado início às discussões para criação de um Comitê de Bacia que englobe os rios dentro da Ilha de São Luís. A preocupação como os recursos hídricos do Maranhão, é uma bandeira empunhada pelo deputado Rafael Leitoa desde o início do mandato, quando em 2015 reiniciou a luta para criação do Comitê do Rio Parnaíba, sancionado ainda no governo de Michel Temer.

O presidente do Ecos Trabalhista, Júlio França, agradeceu a iniciativa do deputado Rafael na convocação da reunião e reforçou que este é um assunto atual, principalmente com as enchentes ocorridas em diversas cidades do Brasil. “A discussão sobre os recursos hídricos da Ilha é necessária, tanto pelo crescimento demográfico, quanto pelo aumento do conglomerado urbano e das edificações próximas às nascentes dos rios. É necessário que a gente proteja estes recursos para as futuras gerações”, reforçou o presidente.  

Rafael Leitoa defendeu a importância da participação da sociedade nestas discussões, que necessitam também de uma presença maior do Poder Público e dos usuários das águas da Grande Ilha. “O objetivo destas reuniões é fazer com que a sociedade traga para si o sentimento de pertencimento e defesa das bacias hidrográficas de São Luís. Na reunião de hoje, ficou decidido que em breve faremos uma Audiência Pública, na qual apresentaremos as vantagens de termos um Comitê de Bacia, colegiado onde se discute o uso racional das águas”, destacou Rafael Leitoa.

(Assessoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário