Anuncie aqui

sábado, 25 de janeiro de 2020

"Política do pão e circo": Mais de meio milhão de reais gasto no Zé Pereira de Timon, afirma vereador Anderson Pêgo

Vereador faz duras criticas a gestão do prefeito Luciano Leitoa
Diante dos atrasos de salários de terceirizados, a falta de médicos nos postos de saúde, além de inúmeros problemas relacionados à falta de planejamento da gestão municipal diversos vereadores da oposição têm se posicionado de forma dura em relação aos problemas desta gestão. 

O vereador Anderson Pêgo, que é conhecido pela forma enfática e combativa com que faz oposição, criticou a atitude do prefeito Luciano Leitoa, que em meio aos diversos meses de atrasos de salários, deixa de priorizar os salários dos servidores para a contratação de bandas para a festa carnavalesca de Zé Pereira.

O parlamentar criticou a atitude do prefeito em suas redes sociais. Confira a íntegra da nota de repúdio redigida pelo vereador Anderson Pêgo:

NOTA DE REPÚDIO 

Com 5 meses de salários atrasados dos terceirizados da Prefeitura de Timon, está faltando médicos, remédios e o prefeito LUCIANO LEITOA, vai gastar mais de MEIO MILHÃO DE REAIS no Zé Pereira. Um gestor público deve eleger prioridades na gestão, me parece que a política do PÃO E CIRCO está instalada em TIMON. 

Vereador Anderson Pêgo

sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

Print-Fofoca: "Diálogo produtivo"

Coronel Schnneyder, Kaká do Frigosá e Helber Guimarães

Teresina registrou alta superior a 100% no turismo em 2019

A capital do Piauí é uma das 30 rotas contempladas pelo programa Investe Turismo e atraiu principalmente viajantes de São Paulo, Brasília e Ceará
Ponte Metálica em Teresina: números reforçam bom momento do Turismo no Brasil. - Foto: Moura Alves/MTur
O turismo em Teresina, capital do Piauí, registrou uma alta de 104,8% em 2019 na comparação com o no anterior, gerando uma receita total de R$ 418,4 milhões, segundo dados da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Teresina (Semdec). A cidade integra o programa Investe Turismo, do Ministério do Turismo, que ajuda as regiões no desenvolvimento e aprimoramento de destinos turísticos no País.

As iniciativas do programa envolvem o melhoramento de atrativos, a comercialização de destinos e o estímulo a investimentos, bem como apoio para o acesso a linhas de crédito e a fontes de financiamento. Além disso, estimula a parceria entre os setores público e privado, na promoção dos serviços turísticos de 30 rotas turísticas estratégicas do Brasil, com foco na geração de empregos.

Desde 2003, o Ministério do Turismo já destinou cerca de R$ 65 milhões a projetos de infraestrutura na capital piauiense. Entre eles, a construção da Ponte Estaiada Mestre João Isidoro França - um dos cartões postais da cidade, com um mirante sobre o rio Poti -, e o Parque da Cidadania, espaço que abriga diversas opções de lazer e proporciona a prática de esportes.

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, destaca a retomada do desenvolvimento do setor na capital. “Tivemos uma queda em 2018, mas em 2019 já percebemos essa recuperação. Isso é decorrente, basicamente, da recessão que o Brasil viveu e que sofremos, principalmente em 2018. Este estudo é importante para perceber também o efeito dos eventos na nossa cidade”, ressalta o prefeito. Consulte aqui a lista de rotas e municípios contemplados pelo programa Investe Turismo.

(Do Governo Federal com informações Ministério do Turismo)

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Lei anticrime entra em vigor nesta quinta-feira (23)

Projeto foi sancionado pelo governo em 24 de dezembro de 2019
Postagem feita no Twitter
Começa a vigorar nesta quinta-feira (23) a Lei 13.964/2019, conhecida como pacote anticrime, aprovada pelo Congresso e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro no dia 24 de dezembro do ano passado.

Houve 25 vetos à matéria aprovada pelo Congresso. O pacote reúne parte da proposta apresentada no início deste ano pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e trechos do texto elaborado pela comissão de juristas coordenada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

Entre os pontos que foram vetados estão o aumento de pena para condenados por crimes contra a honra cometidos pela internet e o aumento de pena para homicídios cometidos com arma de fogo de uso restrito, que poderia envolver agentes da segurança pública.

Juiz de garantias

Nessa quarta-feira (22), o vice-presidente do STF, ministro Luiz Fux, decidiu suspender a aplicação do mecanismo do juiz de garantias pela Justiça, até o plenário da Corte julgar o mérito da ação, o que não tem data para ocorrer.

A decisão anula liminar concedida pelo presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli, que, na semana passada, suspendeu a aplicação das regras por seis meses. Toffoli chegou a criar um grupo de trabalho no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), órgão que também é presidido por ele, para discutir a implementação do juiz de garantias.

A decisão de Fux foi motivada por nova ação protocolada pela Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp). Para a entidade, a medida deveria ser suspensa até o julgamento definitivo por violar princípios constitucionais.

Fux ocupa interinamente a presidência da Corte no período de férias de Toffoli, até 29 de janeiro.

O juiz de garantias deve atuar na fase de investigação criminal, decidindo sobre todos os pedidos do Ministério Público ou da autoridade policial que digam respeito à apuração de um crime, como, por exemplo, quebras de sigilo ou prisões preventivas. Ele, contudo, não poderá proferir sentenças.

Sergio Moro

Pelas redes sociais, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse que a nova lei tem avanços importantes. O ministro afirmou que nem todas as medidas propostas foram aprovadas pelo Congresso e disse que "em 2020, vamos resgatar o que ficou de fora." As informações são da Agência Brasil.

Confirmada a nova composição do Diretório do Republicanos de Timon

Republicanos 10 de Timon sob novo comando
Coronel Schnneyder e Dóris Andreia
Já está no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a mudança no comando do partido Republicanos 10 de Timon que tem como presidente no Maranhão o deputado federal Cleber Verde e na presidência de honra o vice-governador Carlos Brandão.

A Direção do Republicanos em Timon ficou assim: Dóris Andreia na presidência; Vice-presidente Jesy James e o ex-vereador Thales Waquim como primeiro secretário. Dóris Andreia é esposa do pré-candidato a prefeito, Coronel Schneyder.

Recentemente foi anunciado pelo deputado federal Cleber Verde que o pré-candidato a prefeito Coronel Schneyder vai se filiar no Republicanos, como é militar isso só irá acontecer no período das convenções partidárias. As informações são do Blog do Ludwig.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Vereador Uilma Resende ganha mais uma adesão ao seu projeto de reeleição

Publicação feita no Facebook
O vereador Uilma Resende (PDT), ex-presidente da Câmara municipal de Timon, anunciou pelas suas redes sociais a adesão do militante político Sargento Elismário à sua pré-campanha em busca da reeleição para o cargo de vereador.

Uilma Resende comemorou a chegada do Sargento Elismário e afirmou que esta é "mais uma adesão de peso ao nosso projeto de retorno à Câmara de Timon em 2021".

O parlamentar lembrou ainda que a sua trajetória política tem elementos em comum com a do Sargento Elismário. "Nossa batalha de iniciou há anos, com as lutas na JSPDT, na militância política em busca de uma Timon mais justa, moderna e repleta de oportunidades para nossos jovens. Nosso projeto é a manutenção de destas conquistas e a busca de muito mais", comemorou.

Timon-PI x Picos: tudo que você precisa saber sobre o confronto da 2ª rodada do Piauiense

Com time remodelado após expulsões na estreia, Soberano mira vitória em estreia em casa no estadual. SEP conta com retorno de Eder Guerreiro como trunfo para emplacar segundo triunfo consecutivo
Foto: Adelmo Paixão
Timon-PI e Picos terão objetivos iguais, mas motivações distintas no confronto desta quarta-feira, em Teresina. Mexido pela dolorosa derrota na estreia, o Soberano Timonense tenta se reconstruir depois das quatro expulsões sofridas no jogo passado e terá que superar, na estreia em casa no Campeonato Piauiense, um rival embalado na corrida pela liderança. Alheia ao drama do adversário, a SEP quer emplacar a segunda vitória consecutiva no estadual para dormir tranquila no G-2. A bola rola no confronto a partir das 20h, no estádio Lindolfo Monteiro, na capital.

Expulsos na derrota para o Altos, Péricles Veloso (auxiliar), Tonhão (zagueiro), Jorge (lateral-esquerdo) e Oseias (atacante) são desfalques certos no Timon-PI. Além deles, Dênis não joga por conta do pisão sofrido no pé direito. A diretoria do clube garantiu ainda que não vai relacionar o atacante Bibiu, que foi expulso no jogo contra o Altos vestindo a camisa 21 de Jorge. Por conta da confusão, o clube explicou que vai evitar qualquer risco de utilizá-lo e ser punido no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-PI).

A tendência é que o técnico Adelmo Soares repita praticamente toda a escalação do Picos que venceu o River-PI por 2 a 1 em casa. Com uma importante exceção: Eder Guerreiro treinou durante a semana após se recuperar de dores no joelho e pode ser uma novidade em campo. O Globoesporte.com apurou que Muller está entregue ao Departamento Médico com lesão.

Timon-PI e Picos se enfrentam em noite de rodada dupla no Lindolfo Monteiro – 4 de Julho e Parnahyba jogam às 18h.

INGRESSOS PARA A RODADA DUPLA

- GERAL: R$ 20

- ARQUIBANCADA: R$ 30

- CADEIRA: R$ 50

- Meia-entrada: todos os setores

- Ponto único de venda: bilheteria do Lindolfo Monteiro a partir das 15h.

O árbitro Antônio Dib de Sousa será o responsável por conduzir o duelo entre Soberano e SEP e terá auxílio de Márcio Iglésias Araújo Silva e Antônio Sérgio de Sousa Araújo. O Globoesporte.com/piaui transmite as emoções do jogo em tempo real.

TIMON x PICOS - 2ª RODADA

- Dia: 22/01

- Hora: 20h

- Local: estádio Lindolfo Monteiro

- Árbitro: Antônio Dib de Sousa

- Auxiliares: Márcio Iglésias Araújo Silva e Antônio Sérgio de Sousa Araújo

- Onde acompanhar: Globoesporte.com/piaui.

(Com informações do globoesporte.com/piaui.)

Caminho da Escola vai entregar 6,2 mil novos ônibus para estados e municípios

Caminho da Escola vai entregar 6,2 mil novos ônibus para estados e municípios
Frota de ônibus do Caminho da Escola. Foto: Shismênia Oliveira - Ascom/MEC
O Ministério da Educação (MEC) viabilizou a compra de 6,2 mil novos ônibus escolares, por meio do programa Caminho da Escola, favorecendo estados, municípios e o Distrito Federal com os veículos na renovação das frotas.

A brasiliense Maryane Mesquita, de 9 anos, está entre os quase 5 milhões de estudantes brasileiros beneficiados pelo programa, cujo objetivo é garantir o conforto e a segurança no translado de casa para a escola em todo o Brasil. "A Mary utiliza o transporte escolar há três anos para ir à escola rural de São Sebastião. O ônibus é muito bem conservado e seguro. Tem monitora para cuidar das crianças e o motorista é super responsável. Isso é bom para ela, e traz uma tranquilidade para a gente que é mãe", afirma Jô Mesquita, mãe da Maryane.

As aquisições incluem um novo modelo de veículo que irá atender áreas de difícil acesso e com vias mais castigadas, uma iniciativa inédita no governo federal. Para isso, os ônibus possuem tração nas quatro rodas e são menores, garantindo o transporte de 13 estudantes sentados.

Segundo a presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Karine Santos, o novo modelo de ônibus atende uma necessidade exposta pelos municípios. “Estamos atentos às demandas. Por isso, o Caminho da Escola disponibiliza pela primeira vez esse micro-ônibus escolar”, explica a presidente.

Além do modelo “jipe”, estão disponíveis para aquisição outros seis modelos de ônibus, tanto para as áreas rurais quanto urbanas. Os dois tipos que atenderão as áreas urbanas permitirão a viagem de 21 e 29 alunos sentados. Os modelos rurais possuem capacidade para 29, 44 e 59 estudantes sentados.

Melhorias

Entre as melhorias dos ônibus para 2020 estão a porta de lâmina única, que possui vedação total para entrada de pó e água, o que permite o tráfego em estradas rurais de difícil acesso. Os modelos também terão um sistema aperfeiçoado de isolamento térmico do motor, o que proporciona a diminuição do calor no interior do veículo.

Todos os veículos são equipados com dispositivos de acessibilidade e seguem padrões de qualidade e segurança estipulados pelo FNDE, em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Aquisições

Estados, Distrito Federal e municípios poderão adquirir os veículos por meio de atas de compras disponíveis no Sistema de Gerenciamento de Atas de Registro de Preços (Sigarp) do FNDE. Com o modelo de compra compartilhada, a economia na compra dos veículos pode chegar a quase 40% do valor de mercado.

Caminho da Escola

Desde 2007, o programa tem o objetivo de renovar a frota de veículos escolares no Brasil e garantir segurança e qualidade ao transporte dos estudantes. Os veículos podem ser adquiridos pelos estados e municípios por meio de assistência financeira do FNDE, recursos próprios e por linha de crédito a ser disponibilizada por agente financeiro.

Hoje, a necessidade de frota para atender a demanda de estudantes, tanto de áreas rurais quanto urbanas, gira em torno de 104 mil veículos com capacidade média para 31 passageiros. Além dos ônibus e micro-ônibus, também são utilizados cerca de 670 lanchas escolares desenvolvidas e construídas em parceria com a Marinha do Brasil, e quase 6,5 mil bicicletas e capacetes escolares.

Estudos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação concluíram que o fornecimento de bicicletas aos estudantes pode atenuar o esforço daqueles que precisam percorrer pequenas e médias distâncias para chegar à escola ou aos pontos dos barcos e dos ônibus escolares.

(Do Governo Federal, com informações do FNDE/MEC)