Anuncie aqui

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Timon em alerta: Teresina confirma 32 casos de h1n1 em 2018

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) informa que, desde 1º de janeiro de 2018, foram confirmados 32 casos de gripe H1N1 em Teresina, dos quais 17 foram de síndrome gripal (sem complicações) e 15 de síndrome respiratória aguda grave, que exigiu internação dos pacientes.

Na tarde da última segunda-feira (7), Teresina recebeu 29.300 novas doses da vacina contra Influenza, também conhecida como gripe. Próximo sábado, dia 12 de maio, será o Dia D da Campanha de Vacinação contra a Gripe. A diretora de Vigilância em Saúde da FMS, Amariles Borba, pede que todos aqueles que fazem parte do público alvo compareçam ao posto de saúde mais próximo para garantir sua dose, uma vez que se tratam de grupos de risco com tendência a complicações que levam à síndrome respiratória aguda grave. “As vacinas são bastante seguras, não sendo encontradas evidências de que causem eventos sistêmicos graves”, afirma.

A vacina protege contra os vírus influenza tipo B, A H1N1 e A H3N2. Fazem parte dos grupos prioritários os indivíduos com 60 anos ou mais de idade, as crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, as gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os professores das escolas públicas e privadas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. 

Timon

O secretário de Saúde de Timon, Márcio Sá informou através do WhatsApp ao titular do Blog do Eduardo Rego que não há caso confirmado de H1N1 no município, mas que todos fiquem em alerta pela proximidade das duas cidades. Márcio Sá relatou que existe vários pontos de vacinação na cidade para as pessoas que fazem parte do grupo de risco. O secretário também chamou atenção para o Dia D de vacinação que acontece no próximo sábado (12).

"Já recebemos o terceiro lote da vacina, 40%, temos postos volantes no BB, Caixa, Bradesco, Ceasa, Mercado Formosa, Mix Mateus, e as unidades fazendo as vacinações... Sábado será o Dia D, todas as unidades serão abertas... A procura está enorme, mas no primeiro momento só os grupos prioritários, Gestantes, idosos, pessoas privadas de liberdade, professores da rede pública e privada, pessoas com doenças crônicas, crianças de 5 meses até cinco anos", explicou Márcio Sá.

(Com informações da Fundação Municipal de Saúde-FMS).

Nenhum comentário:

Postar um comentário