Anuncie aqui

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Eleições 2020: A divisão no grupo Leitoa em Timon

Grupo Leitoa segue dividido para as eleições de 2020 
Nos bastidores da política timonense não é segredo para mais ninguém que atualmente existe uma divisão interna forte no grupo Leitoa em relação ao nome que tentará manter a hegemonia de quase 30 anos dos Leitoas no comando do Palácio da Cidade.

Com um final de governo em franca decadência o prefeito de Timon, Luciano Leitoa (PSB), terá uma missão dificílima em 2020, a união de seu grupo político em torno de um único nome para a disputa eleitoral que se aproxima.

É nítido que o prefeito Luciano Leitoa juntamente com a ala mais jovem do grupo tem preferência pelo nome secretária de Educação, Dinair Veloso, para a disputa eleitoral ano que vem, já o seu pai, ex-prefeito Chico Leitoa, conta com o apoio da "Velha Guarda" do PDT e espera que o deputado estadual Rafael Leitoa seja o escolhido para o confronto em 2020. Alguns integrantes dessa velha guarda tem dito nos bastidores que o deputado Rafael Leitoa, mesmo com a alta rejeição e o desgaste da gestão, seria o único que teria alguma chance de lograr êxito nas urnas em 2020.

Há poucos dias, o bem informado jornalista e blogueiro Ademar Sousa tornou público como anda o clima pré-eleitoral dentro do grupo Leitoa (reveja aqui). Segundo Ademar Sousa, o clima é tenso dentro do grupo Leitoa sobre a escolha do nome para a disputa eleitoral em 2020. Reveja um trecho da matéria divulgada por Ademar Sousa sobre o tema. "O velho Chico não quer nem saber dessa estória de qualquer outro nome sendo aliado ou aliada. Tem que ser Rafael Leitoa doa a quem doer”, disse a mesma fonte ao Blog Ademar Sousa.

Cortina de Fumaça

Recentemente, alguns aliados tentaram criar uma cortina de fumaça sobre essa divisão interna entre Rafael Leitoa e Dinair Veloso que há hoje dentro do grupo Leitoa colocando um outro possível nome que poderia ser escolhido pelo prefeito Luciano Leitoa para disputa eleitoral em 2020, mas não colou. Em breve o blog conta mais detalhes sobre essa divisão interna no grupo Leitoa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário