Anuncie aqui

quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Vereador Anderson Pêgo fala na Câmara contra a volta às aulas presenciais nas escolas municipais

Na manhã desta quarta-feira (05) o vereador Anderson Pêgo (PSDB) levantou um questionamento a cerca da volta às aulas nas Escolas da Rede Municipal de Timon, durante sessão na Câmara dos Vereadores do Município.

Segundo ele, essa retomada se trata de uma decisão baseada em interesses políticos da atual gestão do município e não levam em conta a garantia de que os alunos terão estrutura efetiva de segurança e condições para o retorno das crianças ao ambiente escolar. 

O vereador ressaltou ainda que muitos pais se sentem inseguros em relação à decisão. “Ontem eu li um relatório da ONU, onde diz que a volta às aulas só pode acontecer quando a pandemia estiver controlada. Como que vamos expor as crianças à isso? Como vamos controlar o comportamento delas? A prefeitura de Timon quer que as aulas voltem para tentar promover a candidata deles. Mas o prefeito está querendo sacrificar as crianças para mostrar uma realidade que não existe”, disse. 

A maioria dos Estados brasileiros já decidiram que não há previsão de retorno das aulas, inclusive a capital vizinha Teresina. Esse também foi um ponto abordado no discurso de Anderson Pêgo. “A prefeitura e a secretaria de educação de Timon anunciaram a volta às aulas para o mês de setembro. São Paulo já disse que não volta, o Ceará também, a prefeitura de Teresina não tem previsão de retorno. Estamos falando de Estados ricos e de uma prefeitura organizada e todos eles estão em consenso sobre o prazo de voltar às atividades”. 

Anderson Pêgo destacou ainda que o retorno precoce das atividades escolares irá comprometer não apenas a saúde das crianças, mas de todos os familiares, o que seria um ato irresponsável da gestão municipal. O vereador ainda cobrou um pronunciamento por parte da Prefeitura e Secretaria de Saúde de Timon.

(Assessoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário