Anuncie aqui

Anuncie aqui

Anuncie Aqui-2

Postagem Carrossel

sexta-feira, 19 de julho de 2024 às 15:10

Polícia Civil realiza operação contra o tráfico de drogas em Caxias

A Polícia Civil do Maranhão, com apoio da Polícia Militar deflagrou, na manhã desta sexta-feira (19), uma força-tarefa de combate aos crimes de associação criminosa armada, tráfico de drogas e roubos qualificados praticados no município de Caxias, no Leste do estado. As equipes policiais tinham a missão de cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão contra alvos de investigados nos bairros Antenor Viana e Seriema.

O delegado Alcides Martins, chefe da 17ª Delegacia Regional de Caxias, destacou que, cinco homens, entre 18 e 31 anos idade, foram presos por serem investigados por cometerem os crimes alvos da operação.  Ainda segundo o delegado, das cinco prisões, duas foram por mandados e três em flagrante.

Nas residências dos investigados, os policiais apreenderam armas de fogo, tipo pistola e revólver, munições, cocaína, maconha, além de aparelhos celulares roubados e eletrônicos diversos.

Os cinco presos foram levados à sede da Delegacia Regional de Caxias para serem submetidos aos processos de praxe e, em seguida, encaminhados para custódia na unidade prisional da região, onde permanecerão à disposição da justiça.

A operação foi realizada por equipes de policiais civis dos Distritos Policiais de Caxias; DENARC e DHPP Caxias; Delegacia Regional de Timon; Grupo de Pronto Emprego e Núcleo de Operações com Cães; Delegacia de Polícia Civil de Buriti, Delegacia Regional de Chapadinha; SHPP e Delegacia Geral. As informações são da Ascom PCMA.

quinta-feira, 18 de julho de 2024 às 15:31

Polícia Civil realiza operação e apreende, arma, munições e entorpecentes em Timon

A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), desencadeou na tarde desta quinta-feira (18), uma operação policial de combate ao tráfico de drogas no bairro Parque Aliança, em Timon, cidade à cerca de 426 km de São Luís. Durante a ação da polícia, três pessoas foram conduzidas para delegacia.

Segundo informações da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico de Timon (DENARC), após o recebimento de denúncias anônimas sobre diversas práticas de crimes de tráfico de drogas em um imóvel do bairro, uma equipe de policiais civis se descolou até as proximidade para verificar.

Após confirmarem a veracidade das informações anônimas, os policiais adentraram no imóvel e conseguiram apreender entorpecentes dos tipos “crack” e “maconha”, bem como apetrechos utilizados no tráfico, como embalagens plásticas e balança de precisão. Além dos entorpecentes, a equipe também conseguiu apreender um revólver calibre .38 e 07 munições do mesmo calibre.

Diante disso, os policiais conduziram três pessoas até a Central de Flagrantes de Timon, sendo dois menores de idade, e os apresentaram à autoridade policial plantonista. As informações são da Ascom PCMA.

Eleições 2024: mais uma pesquisa é registrada em Timon

Já consta no site da Justiça Eleitoral mais uma pesquisa de intenções de votos para a eleição de 2024 na cidade de Timon. 

A coleta dos dados feita pelo Instituto Estimativa tem início nesta quinta-feira, 18 e se encerra nesta sexta-feira, 19. A divulgação do resultado deve acontecer no próximo dia 24 deste mês.

O contratante da pesquisa é a RENATO SOUSA DE MONTANHA LTDA / 4 AS SOLUCOES EMPRESARIAIS CPF/CNPJ: 26962915000171.

De acordo com as informações obtidas, a pesquisa entrevistará 412 pessoas com grau de confiança de 95% com margem de erro de 4,8% para mais ou para menos. O número de registro é MA-00651/2024.

É aguardar e conferir!

quarta-feira, 17 de julho de 2024 às 17:35

TCE emite alerta sobre limite de gastos com pessoal em ano de eleições

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) emitiu, nesta terça-feira (16), por meio da Secretaria de Fiscalização – Sefis, o Alerta nº 03/24, relativo ao acompanhamento da gestão fiscal no que se refere ao limite de gastos com pessoal. O alerta alcança 47 prefeituras e dois órgãos estaduais, tendo como referência o primeiro quadrimestre deste ano.

A emissão de alertas tem como fundamento a competência atribuída ao TCE para alertar os poderes ou órgãos sempre que identificadas situações desfavoráveis e/ou irregulares relacionadas à gestão fiscal e ainda, com base nas análises efetuadas sobre os dados relativos aos Relatórios de Gestão Fiscal do 3º quadrimestre e do 2º semestre, declarados ao sistema Finger/Siconfi e observado o disposto em instrução normativa do órgão.

Os alertas também se fundamentam em informações e documentos remetidos por meio do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi). O objetivo é levar o fiscalizado a adotar as medidas determinadas na legislação para correção das distorções, evitando a aplicação das sanções administrativas e/ou penais previstas.

O Alerta nº 03/24 vincula-se ao processo de acompanhamento da gestão Fiscal, processo de fiscalização nº 2349/2024.

Para a Secretaria de Fiscalização do TCE Fábio Alex de Melo, os índices são preocupantes em razão do período, uma vez que, para a Justiça Eleitoral, o descumprimento dos limites pode ser entendido como captação de sufrágio, corroendo o processo eleitoral, ou como recusa em reduzir os gastos em ano de eleições.

O secretário observa ainda que a situação é mais comprometedora para os municípios, em função do calendário eleitoral, uma vez que as reduções precisam ser feitas no ano em curso, não podendo ser postergadas para os quadrimestres seguintes. “É essencial que eles promovam o quanto antes sua adequação aos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF)”, destaca. As informações são do TCE/MA.

Gaeco deflagra operação Rei do Gado para combater venda fraudulenta e sonegação fiscal

Na manhã desta quarta-feira, 17, o Ministério Público do Maranhão, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), deflagrou a operação Rei do Gado no estado do Maranhão, com o objetivo de desarticular uma organização criminosa investigada por venda fraudulenta de gado e sonegação fiscal. A ação também foi realizada nos estados de Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Tocantins e no Distrito Federal. As práticas ilegais movimentaram aproximadamente R$ 1,4 bilhão.

A operação Rei do Gado está sendo cumprida pelo Gaeco do MPMA com a participação do Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal (GAESF), Coordenadoria de Assuntos Estratégicos e Inteligência (Caei), e Gaecos de Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Tocantins e Distrito Federal. Também participam a Receita Federal, a Secretaria de Fazenda do Maranhão, a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), Polícia Rodoviária Federal (PRF), as Delegacias de Combate à Corrupção do Maranhão e Distrito Federal, além das polícias Militar de Minas Gerais e de São Paulo.

Os investigados são servidores públicos, além de pessoas físicas e jurídicas, que, direta ou indiretamente, estão envolvidos nos crimes. A decisão expedida pela Vara Especial Colegiada dos Crimes Organizados de São Luís também determinou a suspensão do exercício das funções públicas de servidores, a suspensão das atividades das pessoas jurídicas envolvidas, bem como bloqueio de contas e apreensão de bens de luxo para ressarcir os cofres públicos.

Conduzidas pelo Gaeco e pela 3ª Promotoria de Justiça Regional de Defesa das Ordens Tributária e Econômica do Estado do Maranhão, as investigações revelaram a inserção de dados falsos sobre quantitativo de gado, idade e vacinas dos animais nos sistemas de controle, para simular a regular criação por pecuaristas cujas propriedades rurais sequer existem ou não comportam o número de animais registrados. O grupo criminoso também emitiu notas fiscais de venda de quase 500 mil bovinos e Guias de Trânsito Animal com informações falsas de compra e venda de gado. As informações são do MPMA.

terça-feira, 16 de julho de 2024 às 20:01

Convenção que vai oficializar a candidatura de Nonatinho e Christiane Pinheiro já tem data

A Convenção partidária que vai oficializar a candidatura de Nonatinho e Christiane Pinheiro para as eleições de 2024 à prefeitura de Matões será realizada na sexta-feira da próxima semana, dia 26 de julho.

O local escolhido para este evento que vai sacramentar o nome de Nonatinho como o candidato a prefeito de Matões é a residência do prefeito Ferdinando Coutinho, localizada na rua Bacuri, no bairro Bacuri.

O grupo do prefeito Ferdinando Coutinho prepara um grande evento para mostrar a força, a união e o crescimento que a pré-candidatura de Nonatinho e de Christiane Pinheiro tiveram nas últimas semanas com inúmeras adesões por toda Matões, tanto na zona urbana quanto na zona rural do município.

PF reprime ações ilegais em terras indígenas no Maranhão

São cumpridos mandados de prisão preventiva contra exploradores de extração e comercialização ilegal de madeira

A Polícia Federal, nesta terça-feira (16/7), a operação Conluio Exploratório, com o objetivo de dar cumprimento a mandados de prisão preventiva, expedidos pelo Juízo da 8ª Vara Federal Ambiental e Agrária da Justiça Federal, contra responsáveis pela extração e comercialização ilegal de madeiras oriundas de terras indígenas inseridas na Amazônica Legal do Maranhão.

A operação é a segunda fase da operação Kreepym-Katejê, a qual identificou um conluio entre indígenas, madeireiros, fazendeiros e políticos locais na extração ilegal e comercialização da madeira, com a conivência por parte de alguns indígenas, ao permitir a extração de madeira, em troca de vantagem econômica indevida.

A terra indígena Geralda Toco Preta fica localizada entre os municípios de Arame e Itaipava do Grajaú/MA e, segundo estudos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), é a segunda Terra Indígena que sofre maior pressão de desmatamento. As informações são da PF.

Pesquisa aponta liderança do deputado Rafael em Timon

O IPPI Pesquisa e Consultoria Ltda. realizou uma pesquisa de intenções de voto em Timon entre os dias 3 e 6 deste mês, avaliando o cenário político e de gestão.

Na pergunta espontânea, o cenário com os pré-candidatos de Timon apareceu assim: deputado Rafael 23,46%; Dinair Veloso 17,80%; Henrique Júnior 7,49%; Não sabe/Não opina 49,25%; Schnaider 0,83%; Branco/Nulo 0,83%; Schneider 0,17% e Luciano 0,17%.

Já na pergunta estimulada da pesquisa, onde são citados os nomes dos pré-candidatos a prefeito de Timon, os resultados foram: deputado Rafael 38,44%; Dinair Veloso 28,79%; Henrique Júnior 17,47%; Não sabe/Não opina 8,65%; Nenhum/Ninguém 5,99%; Branco/Nulo 0,67%.

Na pergunta sobre a rejeição (não votaria) dos pré-candidatos a prefeito de Timon, os resultados foram: Dinair Veloso 33,61%; Nenhum/Ninguém 30,45%; Henrique Júnior 16,31%; deputado Rafael 11,65%; Não sabe/Não opina 5,16%; Branco/Nulo 2,83%.

Gestão Dinair

Sobre a avaliação da gestão da prefeita Dinair Veloso, a pesquisa do IPPI mostrou que o eleitorado de Timon opinou da seguinte forma: Reprova 52,41%; Aprova 39,43%; Não sabe/Não opina 8,15%.

Dados

A pesquisa do IPPI foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número MA-03117/2024 e ouviu 600 eleitores de Timon, tanto na zona urbana quanto na zona rural, entre os dias 3 e 6 deste mês. A margem de erro é de 4,62% para mais ou para menos e a margem de confiança é de 95%.

Veja mais detalhes da pesquisa feita em Timon pelo IPPI no canal do Ielcast.

(Do Blog do Ludwig)

segunda-feira, 15 de julho de 2024 às 19:23

MPF obtém condenação de dois fiscais do Ibama por cobrança de propinas no Maranhão

Técnicos ambientais usavam o cargo na autarquia para cobrar valores para liberação de cargas de madeira apreendidas

O Ministério Público Federal (MPF) obteve a condenação de dois fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Maranhão por atos de improbidade administrativa. Na ação civil proposta pelo MPF na Justiça Federal, ambos foram acusados de cobrar vantagens indevidas de pelo menos R$ 11 mil de particulares para liberar irregularmente cargas de madeira apreendidas.

As investigações mostraram que os fiscais se utilizavam de veículo oficial da autarquia para se deslocar por cidades no interior do Maranhão realizando rondas de rotina. Interceptações telefônicas e gravações de áudio autorizadas pela Justiça captaram os condenados exigindo dinheiro para liberação de cargas irregulares. Os fiscais ameaçavam os particulares afirmando que o prejuízo deles seria maior caso não pagassem as propinas solicitadas.

Os dois agentes foram condenados na ação civil à perda das funções públicas, suspensão dos direitos políticos por quatro anos, proibição de contratar com o Poder Público, além de perda dos valores acrescidos irregularmente ao patrimônio (R$ 11 mil, a ser dividido entre os dois condenados), e multa no mesmo valor. Ainda cabe recurso. Ambos os condenados já haviam sido demitidos de suas funções ao final de um processo administrativo disciplinar conduzido pelo próprio Ibama. As informações são do MPF/MA.

domingo, 14 de julho de 2024 às 11:00

Lula repudia atentado contra Donald Trump: "inaceitável"

O presidente Lula repudiou neste sábado (13) o que classificou de atentado contra o ex-presidente Donald Trump. Ele considerou o ato como “inaceitável”.

“O atentado contra o ex-presidente Donald Trump deve ser repudiado veementemente por todos os defensores da democracia e do diálogo na política. O que vimos hoje é inaceitável”, declarou o presidente nas redes sociais.

Neste sábado, Trump foi retirado por seguranças do palanque onde fazia um comício na Pensilvânia. Após sons de tiros, o candidato republicano se abaixou e levantou com sangue na orelha e no rosto.

O local do comício foi abandonado com cadeiras derrubadas e fita policial amarela ao redor do palco. O caso está sob investigação. As informações são da Agência Brasil.

sábado, 13 de julho de 2024 às 07:34

PRF detém motorista embriagado envolvido em acidente na BR-316, em Caxias

O teste de alcoolemia realizado no condutor indicou um teor alcoólico de 1,2 miligramas de álcool. Outro caso também foi registrado em Açailândia

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou na noite da última quinta-feira (11) uma colisão frontal entre um automóvel e um caminhão no km 546 da BR-316 em Caxias (MA). Um dos motoristas envolvidos no sinistro de trânsito foi detido por estar embriagado. 

Por volta das 20 horas, a PRF foi acionada para atender uma ocorrência na rodovia.  Uma equipe policial prontamente atendeu ao chamado e ao chegar ao local do sinistro logo constatou que o motorista do carro pequeno apresentava vários sinais de embriaguez. 

O condutor, que se encontrava lesionado no interior do veículo, porém sem gravidade, apresentava forte odor etílico, olhos avermelhados, fala arrastada e desconexa, dificuldade de raciocínio e sonolência. Após atendimento pré-hospitalar realizado por uma equipe do SAMU, o envolvido foi submetido a exame de alcoolemia. O teste realizado indicou um valor de 1,2 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, um elevado teor alcoólico. O motorista foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil em Caxias (MA) pelo crime de embriaguez ao volante. As informações são da PRF.

sexta-feira, 12 de julho de 2024 às 11:51

TCE divulga resultado do Ranking de Transparência da administração pública do primeiro semestre de 2024

A Secretaria de Fiscalização do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (Sefis) divulgou o resultado do Ranking de Transparência relativo ao primeiro semestre de 2024. O ranking é elaborado a partir de avaliações realizadas pelo órgão de controle externo nos portais de transparência dos fiscalizados sob sua jurisdição.

Nos últimos anos, as questões ligadas à transparência da gestão pública têm adquirido relevância cada vez maior, tanto no âmbito das ações realizadas pelos órgãos de controle externo quanto por seus reflexos no desenvolvimento das políticas públicas e no estímulo ao fortalecimento do controle social.

Nesse cenário, os tribunais de contas brasileiros, entre outras competências, fiscalizam o cumprimento das normas da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), especialmente quanto à transparência da gestão fiscal, conforme determinam as alterações introduzidas pela Lei Complementar nº 131, de 27 de maio de 2009 e pela Lei Complementar nº 156, de 28 de dezembro de 2016.

As Cortes de Contas avaliam também, no exercício das atividades inerentes ao controle externo, o cumprimento da Lei Federal nº 12.527, de 18 de novembro de 2011, Lei de Acesso à Informação, e da Lei Federal nº 13.460, de 26 de junho de 2017, Código de Defesa dos Usuários de Serviços Públicos, entre outros normativos.

No caso do TCE maranhense, o art. 3° da Instrução Normativa TCE/MA n° 60/2020 determina que os resultados obtidos nos procedimentos de fiscalização devem ser disponibilizados no site oficial da instituição e divulgados em forma de ranking no Diário Oficial do TCE, quando finalizados os trabalhos de avaliação.

O ranking com os resultados alusivos ao primeiro semestre de 2024 foi composto pela notas obtidas pelos fiscalizados em avaliação realizada no período de 12 de março a 08 de julho de 2024

Com a finalidade de assegurar maior efetividade às ações do controle externo e objetivando contribuir para o fortalecimento do exercício do controle social, os tribunais de contas brasileiros ampliaram as ações voltadas a averiguar o cumprimento da legislação relativa ao acesso e à transparência das informações da administração pública.

Em sintonia com essa tendência, o TCE maranhense implementou várias medidas para tornar as avaliações dos portais realizadas pela instituição mais ágeis, interativas e seguras. Aos portais avaliados são atribuídos uma nota e um conceito, denominado Índice de Transparência. A composição do ranking é mais um aspecto importante deste processo.

Para o secretário de fiscalização do TCE maranhense, Fábio Alex de Melo, a divulgação do Ranking de Transparência permite que os cidadãos acompanhem os atos das administrações municipais e saibam como os recursos públicos estão sendo utilizados, contribuindo de forma decisiva para o exercício do controle social. “A transparência é princípio essencial à gestão pública. Ao avaliar a transparência em todos os níveis da administração pública, o controle externo atua para que os cidadãos tenham acesso à forma como o dinheiro e os recursos públicos são empregados, aspecto crucial quando se busca maior efetividade nas políticas públicas”, afirma.

Clique aqui para acessar o Diário Oficial do TCE onde foi publicado o Ranking de Transparência do primeiro semestre de 2024. As informações são do TCE/MA.

Famem destaca relevância do Qualifica Web na atualização de profissionais municipais sobre a nova Lei de Licitações

Em uma iniciativa para atender à demanda crescente por capacitação sobre a Nova Lei de Licitações e Contratos (Lei 14.133/21), a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) reforça a importância para os gestores e técnicos municipais sobre a versão web do programa Qualifica Maranhão. Este curso online, oferecido em parceria com a Escola de Governo do Maranhão (Egma), tem intuito de oferecer uma formação de alta qualidade para em todo o estado.

O Qualifica Maranhão, que já foi um grande sucesso em sua primeira edição presencial em 2023, teve como foco principal a nova legislação de licitações e contratos, abordando profundamente os aspectos da Lei 14.133/21. A primeira edição alcançou 217 municípios e envolveu mais de 1.500 servidores públicos e gestores locais. "A recepção foi extremamente positiva, mas percebemos que muitos profissionais não conseguiram participar devido a restrições de tempo, distância e a falta de uma necessidade imediata durante a primeira fase do curso", explica Renata Coqueiro, coordenadora do programa na Famem.

Com a implementação obrigatória da Lei 14.133/21 a partir de janeiro de 2024, surgiu a necessidade de um novo formato de capacitação que pudesse alcançar um público ainda mais amplo. A solução encontrada foi transformar o Qualifica Maranhão em um curso 100% online, mantendo a qualidade e o padrão de excelência da primeira edição. O novo curso está disponível de forma gratuita na plataforma da Egma e conta com a mesma equipe de instrutores renomados das instituições parceiras, incluindo o Tribunal de Contas da União (TCU), a Controladoria Geral da União (CGU), o Tribunal de Contas do Estado (TCE), o Ministério Público do Maranhão (MPMA), a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) e a União dos Vereadores do Maranhão (UVCM).

"Uma das vantagens deste curso online é a certificação oferecida pela Escola de Governo, que é um requisito para os agentes de contratação conforme a nova lei", afirma Renata Coqueiro. 

A certificação não apenas valida a formação recebida, mas também cumpre uma exigência legal para os profissionais que estarão diretamente envolvidos na aplicação da nova lei.

Leuzinete Pereira, diretora da Escola de Governo do Maranhão, destaca a importância da parceria entre o governo estadual e a Famem para a realização desse projeto. "O acordo histórico firmado em 2023 com a Famem já gerou excelentes frutos, e estamos entusiasmados com a continuidade desse trabalho por meio desta plataforma do Qualifica Maranhão", disse a presidente. 

O curso online do Qualifica Maranhão está estruturado em módulos que cobrem todos os aspectos da Lei 14.133/21. O conteúdo foi gravado e editado nos estúdios da Egma TV e está disponível na plataforma digital da Escola de Governo. Com a flexibilidade do formato online, os interessados podem acessar as aulas de qualquer lugar e a qualquer momento, facilitando a participação dos profissionais que não puderam se engajar na versão presencial.

Para se inscrever os interessados devem acessar a plataforma da Egma, no endereço eletrônico ead.egma.ma.gov.br
preencher o formulário. A iniciativa visa não apenas capacitar os servidores públicos, mas também reforçar o compromisso do governo e da Famem com a transparência e a eficiência na administração pública municipal.

(Fonte: Famem)

quinta-feira, 11 de julho de 2024 às 18:44

PF desarticula esquema criminoso de falsificação de documentos no Piauí

Investigações apontam a participação de 200 pessoas

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira (11/7), a Operação Chassifá para desarticular esquema criminoso especializado na falsificação de identidades para obtenção de empréstimos em nome de terceiros.

Policiais federais cumpriram mandado judicial de busca e apreensão na cidade Teresina/Pl, expedido pelo Juízo da 3ª Vara Federal de Teresina/PI.

As apurações indicaram que os fraudadores recrutavam pessoas para se fazerem passar por outras mediante pagamento. Ao concordar em participar do esquema criminoso, a pessoa recrutada enviava uma foto sua no formato 3x4 para que fosse utilizada na montagem do documento pelo falsificador.

Até o momento, foi reconhecida a participação de mais de 200 pessoas, que posteriormente serão identificadas e responsabilizadas criminalmente. Durante as buscas, foram apreendidos aparelhos eletroeletrônicos, documentos, cartões e materiais destinado às falsificações.

Os investigados poderão responder pelos crimes de estelionato majorado, falsidade ideológica e uso de documento falso. As informações são da PF.

Eleições 2024: mais uma pesquisa é registrada em Timon

Já consta no site da Justiça Eleitoral a terceira pesquisa de intenções de votos para a eleição de 2024 na cidade de Timon. Será a segunda pesquisa do Instituto IPPI - PESQUISAS E CONSULTORIAS realizada no município de Timon em 2024.

A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 6 de julho e deve ser divulgada a partir da próxima terça-feira, 16. O contratante da pesquisa é ESTACAO I ESTUDIO CRIATIVO LTDA / ESTUDIO CPF CNPJ:49774883000186.

De acordo com as informações obtidas, a pesquisa entrevistou 600 pessoas com grau de confiança de 95% com margem de erro de 4,62% para mais ou para menos. O número de registro é MA-03117/2024.

É aguardar e conferir!

Soliney Filho reafirma pré-candidatura em Timon, em encontro com Jaconias Morais

Soliney Filho, pré-candidato a vereador de Timon pelo Republicanos, fez hoje uma visita de cortesia ao presidente da sua agremiação partidária, o advogado Jaconias Moraes.

Na oportunidade, reafirmou sua pré-candidatura objetivando uma vaga à Câmara Municipal de Timon, ao mesmo tempo ressaltou que o seu projeto conta hoje com o apoio de várias lideranças comunitárias, em diferentes bairros da cidade.

Liderança que estreia como pré-candidato pela primeira vez, Soliney Filho tem demonstrado ser uma liderança jovem  promissora e articulada. E não poderia ser diferente, pois é oriundo de uma família de políticos habilidosos, a exemplo do seu irmão Bruno Silva, Prefeito de Coelho Neto, e de seu pai, o ex-deputado Soliney Silva.

Soliney é visto por boa parte da classe política como pré-candidato em potencial, e que caminha fortemente para ser vereador de Timon.

(Da assessoria)

quarta-feira, 10 de julho de 2024 às 16:58

Nonatinho e Christiane Pinheiro recebem novas declarações de apoio em Matões

O pré-candidato a prefeito de Matões, Nonatinho, e a sua pré-candidata a vice, Christiane Pinheiro, receberam novas declarações de apoio para a disputa eleitoral que se aproxima. Membros historicamente ligados à oposição deram aval à atual administração e decidiram apoiar Nonatinho e Christiane.

Uma das declarações de apoio foi do professor Edvan e sua família. Ligado à oposição por muitos anos, Edvan tem um longo histórico de atuação política em Matões. Por isso, essa é uma adesão considerada histórica. 

A adesão do professor Edvan e sua família foi articulada pelo vereador Tijão. Além do professor Edvan e sua família, Nonatinho também recebeu as declarações de apoio do senhor José Bastos e família e da senhora Rosilene e família. O crescente número de adesões demonstra a confiança depositada pela população na administração do prefeito Ferdinando e o compromisso de Nonatinho e Christiane em dar continuidade ao trabalho desenvolvido na cidade.

PF deflagra Operação Falso Egidio em cinco estados para combater fraudes contra a Caixa

A ação é resultado de um trabalho conjunto entre a Polícia Federal e o banco, que aponta um prejuízo estimado de R$ 10 milhões em fraudes sobre programas de transferência de renda

Na manhã desta quarta-feira, 10/7, a Polícia Federal, em ação conjunta com a Caixa, deflagrou a Operação Falso Egidio para desarticular uma organização criminosa especializada em fraudes a programas de transferência de renda, com atuação em cinco estados brasileiros.

Cerca de 80 policiais federais cumprem 11 mandados de prisão temporária e 16 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 2ª Vara Federal de Niterói/RJ, nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Amazonas, Mato Grosso do Sul e Piauí.

Trata-se de uma investigação conjunta iniciada em abril de 2023 por parte da Delegacia de Polícia Federal em Niterói, da REAPDRJ (Caixa) e da Centralizadora Nacional de Segurança e Prevenção a Fraude da Caixa. As apurações identificaram a organização criminosa especializada em fraudes a programas de transferência de renda, bem como apontaram um prejuízo estimado de cerca de R$ 10 milhões.

Durante as investigações, constatou-se a participação de um empregado e duas funcionárias terceirizadas do banco, que foram cooptados pela quadrilha em troca de propina para realizar a liberação do acesso dos criminosos ao aplicativo CAIXA-TEM, que gerencia as contas digitais sociais da instituição financeira e pelo qual são geridos os valores de benefícios sociais, entre eles o Auxílio Emergencial.

Logo após a liberação realizada pelos funcionários, os criminosos se apropriavam das contas digitais sociais de terceiros por meio do aplicativo CAIXA-TEM e desviavam valores oriundos de programas de transferência de renda.

Os investigados abriram diversas contas bancárias em nome de moradores de rua, em clara situação de vulnerabilidade social, para receber vultuosas quantias oriundas das referidas contas. Em seguida, os valores eram transferidos entre os integrantes da quadrilha.

Uma análise das contas bancárias utilizadas pela organização criminosa levou à conclusão de que as elas foram abertas em nome de terceiros que não tinham conhecimento acerca das fraudes, e eram utilizadas unicamente para abrigar o montante desviados das contas digitais sociais. Em seguida, os valores eram integralmente repassados entre os destinatários finais dos recursos.

Além do crime de integrar organização criminosa, os investigados responderão pelos crimes de furto qualificado, inserção de dados falsos em sistema de informações e lavagem de dinheiro.

Os mandados estão sendo cumpridos, conforme abaixo:

No RJ - 07 MPT e 11 MBA

04 buscas no Rio de Janeiro

02 buscas e 01 prisão em Belford Roxo

02 buscas e 03 prisões em Niterói

03 buscas e 03 prisões em São Gonçalo

Fora do RJ - 04 MPT e 05 MBA

Manaus/AM - 02 buscas e 01 prisão

Teresina/PI - 01 busca e 01 prisão

São Paulo/SP - 01 busca e 01 prisão

Campo Grande/MS - 01 busca e 01 prisão

(As informações são da PF)

terça-feira, 9 de julho de 2024 às 21:00

Neto Peças diz que volume de obras em Timon assinadas pela Prefeita incomoda muito oposição

O vereador Neto Peças afirmou que a a prefeita Diniar Veloso vem incomodando a base de oposição na Câmara de Timon devido a quantidade de ordens de serviços para execução de obras na cidade. Para Neto esse incômodo é tão grande que alguns vereadores oposicionista ao invés de agradecer pelas obras que estão sendo executadas em benefício do povo, eles questionam as obras, inclusive com intervenções junto ao Ministério Público que barrar.

Neto adiantou que, os vereadores oposicionistas não precisam ficar tão preocupados com o volume de ordens de serviços, pois durante o período em que a prefeita não poderá assinar mais as ordens de serviços por conta da campanha eleitoral, em contrapartida, diz Neto Peças que as obras assinadas terão continuidade e serão executadas.

O vereador governista citou, por exemplo, obras que a prefeita Dinair havia assinado ordens de serviços e que foram entregues esta semana no Povoado Castelo, como a ampliação da escola, reforma e a construção de quadra de esportes naquela comunidade.

Falta de segurança

Neto Peças, enfatizou em sua fala, também sobre a falta de segurança, citando o fato de que hoje Timon tem representação na Segurança Pública, que mora na cidade e que até dias atrás era pré-candidato a prefeito, e assumiu, mas que vem pra nossa cidade, infelizmente "empinar pipa", ao invés de cuidar e trazer segurança para nossa cidade.

Neto defendeu a vinda de mais policiais militares para que possa atender, pois o efetivo que tem na PM, tem feito sua parte, mas que a estrutura de comando é minúscula. Ele citou que, por parte do município nessa questão de segurança, a prefeita entregou obras de reforma e ampliação da sede a Guarda Civil de Timon, com 12 viaturas, enquanto que a PM sofre com deficiência e necessidade de custeio por parte do município.

Neto Peças ressaltou que sobre essa ajuda substancial que o município mantém para a segurança não é reconhecido. O vereador cobrou dos deputados Rafael e Leandro Bello mais empenho deles para melhorar a segurança em nosso município e na vida dos municípes, disse. 

(Do Blog do Ribinha - BDR)

STF autoriza estado a executar multas aplicadas por TCEs a agentes municipais

As multas simples são aplicadas quando não são observadas normas financeiras, contábeis e orçamentárias e quando o agente público não colabora com o tribunal de contas estadual

Por unanimidade, o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que os estados podem executar crédito decorrente de multas simples aplicadas por tribunais de contas estaduais (TCEs) a agentes públicos municipais.

Essas multas decorrem da não observância de normas financeiras, contábeis e orçamentárias, como deixar de enviar ao Legislativo e ao TCE o relatório de gestão fiscal. Também são aplicadas quando o agente público não colabora com o tribunal de contas, obstruindo inspeções e auditorias ou sonegando informações, entre outras circunstâncias.

Decisões judiciais

A Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 1011 foi proposta pelo governo de Pernambuco contra decisões do Tribunal de Justiça local (TJ-PE) que consideravam o estado ilegítimo para executar na Justiça multas simples aplicadas pelo TCE contra agentes públicos municipais. A Lei estadual 12.600/2004 destinava as multas ao Fundo de Aperfeiçoamento Profissional e Reequipamento Técnico do TCE.

O relator, ministro Gilmar Mendes, observou que o STF, no Tema 642 da repercussão geral, definiu que cabe aos municípios, e não aos estados, executar multas aplicadas pelos TCEs a agentes municipais condenados por danos ao erário. No caso da ADPF, porém, o que se discute é a legitimidade para executar multas simples, cujo objetivo é desestimular futuras inobservâncias das normas financeiras e reafirmar a autoridade dos TCEs. Por isso, propôs que se acrescente à Tese 642 a proposição de que “compete ao estado-membro a execução de crédito decorrente de multas simples, aplicadas por tribunais de contas estaduais a agentes públicos municipais, em razão da inobservância das normas de Direito Financeiro ou, ainda, do descumprimento dos deveres de colaboração impostos, pela legislação, aos agentes públicos fiscalizados”.

A decisão, tomada na sessão virtual finalizada em 28/6, não afeta automaticamente casos julgados definitivamente antes da publicação da ata do julgamento da ADPF. As informações são do STF.

segunda-feira, 8 de julho de 2024 às 16:26

Nonatinho e Christiane Pinheiro se reúnem com grupos de Matrizes Africanas em Matões

Os pré-candidatos a prefeito, Nonatinho, e à vice-prefeita de Matões, Christiane Pinheiro, se reuniram no último domingo, 07, com representantes de comunidades de matrizes africanas do município de Matões e região. Os pré-candidatos ouviram reivindicações dos grupos e tiveram um bate papo sobre cultura, identidade, inclusão social e políticas públicas.

A pré-candidata a vice-prefeita de Matões, Christiane Pinheiro, agradeceu à oportunidade de troca de experiências e ressaltou a importância de ouvir toda a sociedade na construção de um programa de governo inclusivo e abrangente.

“Na manhã deste domingo, a convite do nosso pré-candidato Tote e de Izis, participamos de uma roda de conversa com membros da comunidade de Matrizes Africanas do nosso município. Foi um momento enriquecedor, onde discutimos questões importantes como a valorização da cultura afro-brasileira, a inclusão social e políticas públicas que promovam a igualdade”, escreveu Christiane Pinheiro em uma rede social.

Justiça condena Facebook a pagar R$ 10 milhões de dano moral coletivo e R$ 500,00 de individual

A execução judicial deve ocorrer apenas com a decisão definitiva no processo e em cumprimento individual da sentença

A Justiça condenou o Facebook Serviços Online do Brasil a pagar R$ 10 milhões de danos morais coletivos e R$ 500,00 de dano moral individual para cada consumidor atingido e prejudicado pela interrupção dos aplicativos WhatsApp, Instagram e Facebook, ocorrida no dia 4 de outubro de 2021.

Na sentença, de 5 de julho de 2024, o juiz Douglas de Melo Martins, titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, observa  que a execução deve ocorrer apenas após o trânsito em julgado (decisão definitiva) e em cumprimento individual da sentença.

O Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo (IBDEC), autor da Ação Civil Coletiva contra o Facebook,  afirmou que no dia 4 de outubro de 2021 milhões de consumidores ficaram sem acesso aos serviços oferecidos pela plataforma por aproximadamente sete horas.

TRANSTORNOS

A interrupção teria afetado transações e resultou em muitos problemas na vida cotidiana dos usuários, do meio-dia e indo até o fim da noite, visto que muitas pessoas utilizam as ferramentas das plataformas para venda de seus produtos.

O IBDEC pediu na Justiça a condenação da empresa por danos morais coletivos no valor de R$ 50 milhões em favor do Fundo Estadual de Proteção e

Defesa dos Direitos do Consumidor e danos morais individuais no valor de R$20 mil para consumidor lesado.

Em contestação, o Facebook alegou que “a sua conduta foi pautada na observância da boa-fé e transparência, inexistência de relação de consumo e de ilicitude e descabimento da condenação do pedido indenizatório”.

ENTENDIMENTO DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA

A empresa alegou ainda que “as personalidades jurídicas dos Provedores de Aplicação Meta Platforms Inc. e WhatsApp LLC e do Facebook Brasil são completamente distintas” e que “as operações dos serviços Facebook e Instagram não integram as atividades do Facebook Brasil”.

Com base em entendimento do Superior Tribunal de Justiça, o juiz considerou que Facebook, Instagram e WhatsApp fazem parte do mesmo grupo econômico, sendo o Facebook Brasil parte legítima para representar, no Brasil, os interesses do WhatsApp e Instagram.

O juiz considerou, ainda, a legitimidade do pedido do IBDEC, que se dirige à defesa de direitos individuais de origem comum, sendo admitida a sua defesa de forma coletiva, e direitos difusos, uma vez que um ambiente de navegação seguro na internet pertence a todos, indistintamente.

RELAÇÃO DE CONSUMO

Na sentença o juiz analisou que a demanda trata sobre relação de consumo, porque o Código de Defesa do Consumidor considera “fornecedor” todos os que desenvolvem atividade de produção, montagem, criação, construção, transformação, importação, exportação, distribuição ou comercialização de produtos ou prestação de serviços

“Em que pese o acesso a esses aplicativos seja gratuito, eles obtêm lucros exorbitantes por meio de publicidades. Além disso, o termo "mediante remuneração", disposto no artigo 3º, parágrafo 2º, do Código de Defesa do Consumidor, deve ser interpretado de forma ampla, de modo a incluir o lucro indireto do fornecedor”, acrescentou o juiz.

Esse último entendimento, inclusive, também é do Superior Tribunal de Justiça, arremata a sentença. As informações são do TJMA.

Estudo mostra uso de inteligência artificial na detecção de fake news

Ferramenta garante precisão de 94%

Uma pesquisa desenvolvida na Universidade Federal Fluminense (UFF) desenvolveu um método para detecção de notícias falsas, as chamadas fake news, nas redes sociais, com o uso de inteligência artificial (IA). A técnica é fruto de estudo desenvolvido pelo engenheiro de telecomunicações Nicollas Rodrigues, em sua dissertação de mestrado pela universidade.

O estudante e seu orientador, Diogo Mattos, professor do Laboratório de Ensino e Pesquisa em Redes de Nova Geração da UFF, desenvolveram uma ferramenta de IA capaz de diferenciar fatos de notícias falsas, a partir da análise de palavras e estruturas textuais, com precisão de 94%.

Ou seja, a cada 100 notícias analisadas, a ferramenta conseguia acertar se era fato ou boato em 94 situações. No total, foram analisadas mais de 30 mil mensagens publicadas na rede social X (antigo Twitter). 

“Testamos três metodologias e duas tiveram sucesso maior. A gente indica, no final dos resultados, a possibilidade de utilizar ambas em conjunto, de forma complementar”, explica Rodrigues.

A primeira metodologia consistiu em abastecer um algoritmo com notícias verdadeiras e o treinaram a reconhecê-las. Aquelas que não se encaixavam no perfil aprendido, eram classificadas como fake news

A outra abordagem é semelhante à primeira no que se refere à análise textual, mas em vez do uso de algoritmo, foi utilizada metodologia estatística, que analisa a frequência em que determinadas palavras e combinações de palavras aparecem nas fake news

Os resultados do trabalho podem se transformar em ferramentas úteis para o usuário da internet identificar notícias que apresentam indícios de fake news e, assim, ter cautela maior com aquela informação.

“Pode-se transformar a ferramenta em um plugin [ferramenta que apresenta recursos adicionais ao programa principal] compatível com algumas redes sociais. E, a partir do momento em que você usa a rede social, o plugin vai poder indicar não que a notícia é falsa, de maneira assertiva, mas que ela pode ser falsa, de acordo com alguns parâmetros, como erros de português. Também existe a possibilidade de fazer uma aplicação na própria web, onde você cola o texto da notícia e essa aplicação vai te dizer se aquilo se assemelha ou não a uma notícia falsa”, explica Rodrigues. As informações são da Agência Brasil.

domingo, 7 de julho de 2024 às 17:16

Governo envia grupo de 16 bombeiros para reforçar operações de combate às queimadas na Amazônia

O Governo do Estado enviou 16 bombeiros maranhenses para cooperar na missão nacional de combate aos incêndios que avançam na região amazônica, no Amazonas. O envio é uma determinação do governador Carlos Brandão, atendendo solicitação da Secretaria Nacional de Segurança Pública, órgão do Ministério da Justiça e Segurança Pública. 

Brandão usou as redes sociais para comentar o envio dos militares para o Amazonas: "Desejo bom trabalho à equipe do nosso Corpo de Bombeiros, que vai participar da operação nacional de combate aos incêndios na região Amazônica. Determinamos o envio de 16 militares treinados, com suporte de equipamentos e viaturas, a fim de somar nessa força-tarefa pela proteção do patrimônio ambiental brasileiro", destacou o governador.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), coronel Célio Roberto, acompanhou o embarque dos militares, no fim da tarde deste sábado (6), no Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado. “Esta iniciativa é parte de um esforço conjunto do Maranhão e outras unidades federativas para apoiar aquela região e mitigar os incêndios florestais que ameaçam a biodiversidade e o meio ambiente da Amazônia. Por determinação do governador Carlos Brandão, nossos bombeiros, treinados e equipados, se unem a esta causa pela preservação das nossas florestas”, enfatizou.

Os bombeiros maranhenses vão contribuir para as operações em curso na Amazônia, reforçando as linhas de frente no combate às chamas, nos municípios Humaitá, Apuí, Boca do Acre, Novo Aripuanã e Labrea. O grupo, composto por homens e mulheres, treinados para operar em condições adversas, levará como suporte viaturas e alguns equipamentos. O efetivo deve permanecer 120 dias na região.

“Estamos levando nossa experiência e nosso compromisso com a preservação ambiental para ajudar a conter os incêndios que assolam uma das maiores riquezas naturais do Brasil. É uma missão importante para o Maranhão e para todo o país”, afirmou o coronel Célio Roberto.

sábado, 6 de julho de 2024 às 17:37

Materiais explosivos são apreendidos pela Polícia Civil em Timon

Na tarde da última sexta-feira (5) , uma ação da Polícia Civil,por intermédio da Delegacia de Homicídio e de Proteção à Pessoa (DHPP) de Timon,apreendeu materiais explosivos (emulsão, estopim e cordel detonante)que estavam escondidos em uma residência situada no bairro Boa Esperança,em Timon.

A delegada Nayana Chaves , da DHPP , disse que a ação iniciou ainda pela manhã com a realização de diligências com objetivo de cumprir um mandado de prisão contra um alvo investigado por homicídio. No endereço, os policiais localizaram uma arma de fogo artesanal municiada e material para embalar drogas.

A ação policial contou com apoio do Núcleo de Inteligência da PC-MA e Grupo de Pronto Emprego (GPE) ,ambos de Timon.

Todos os materiais apreendidos foram apresentados na sede da DHPP de Timon para serem tomadas às medidas cabíveis. As informações são da Ascom PCMA.

Eleições municipais: restrições entram em vigor a partir deste sábado

Proibições valem para candidatos que ocupam cargos públicos

A exatos três meses para o primeiro turno das eleições municipais 2024, começa a valer uma série de proibições aos candidatos – sobretudo aos que ocupam cargos públicos. A maioria das vedações está prevista na Lei nº 9.504/1997, que estabelece normas para o pleito. De acordo com o calendário eleitoral, a partir deste sábado (6), entram em vigor as seguintes restrições:

contratação de shows artísticos: fica proibida a contratação de shows artísticos pagos com recursos públicos na realização de inaugurações de obras públicas ou divulgação de prestação de serviços públicos.

presença em inaugurações: candidatos não podem comparecer a inaugurações de obras públicas.

veiculação de nomes, slogans e símbolos: sites, canais e outros meios de informação oficial não podem conter nomes, slogans, símbolos, expressões, imagens ou outros elementos que permitam identificar autoridades, governos ou administrações, cujos cargos estejam em disputa na campanha eleitoral.

transferência de recursos: servidores e agentes públicos ficam proibidos de realizar transferência voluntária de recursos da União aos estados e municípios e dos estados aos municípios, sob pena de nulidade absoluta. A lei abre exceção para situações de emergência e de calamidade pública e quando há obrigação formal preexistente para a execução de obra ou serviço em andamento e com cronograma prefixado.

publicidade institucional e pronunciamento: fica vedado o pronunciamento em cadeia de rádio e televisão fora do horário eleitoral gratuito, salvo quando, a critério da Justiça Eleitoral, tratar-se de matéria urgente. Além disso, passa a ser proibida a publicidade institucional de atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos ou das respectivas entidades da administração indireta, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública.

nomeação ou exoneração: até a posse dos eleitos, fica vedado nomear, contratar, remover, transferir ou exonerar servidor público. A exceção fica por conta de cargos comissionados e funções de confiança. No caso de concursos públicos, é permitida a nomeação dos aprovados nos certames homologados até 6 de julho.

Cessão de funcionários

Também a partir deste sábado, órgãos e as entidades da administração pública direta e indireta podem ceder funcionários à Justiça Eleitoral, em casos específicos e de forma motivada, quando solicitado pelos tribunais eleitorais.

Neste caso, o prazo vale até 6 de janeiro de 2025 para as unidades da Federação que realizarem apenas o primeiro turno das eleições municipais e até 27 de janeiro para os locais onde houver segundo turno. As informações são da Agência Brasil.

sexta-feira, 5 de julho de 2024 às 19:33

Prefeitura de Matões se prepara para iniciar obra de calçamento na rua Mário Alves e demais vias

A Prefeitura de Matões, sob a gestão do prefeito Ferdinando Coutinho se prepara para dar início a uma das obras mais aguardadas pela população: o calçamento da rua Mário Alves de Carvalho e demais ruas, localizada no bairro Taioba. Esta rua, uma das mais antigas da cidade, havia sido esquecida por gestões anteriores e se tornou um símbolo de reivindicações e manifestações por parte dos moradores do bairro, principalmente no período chuvoso.

A obra, que marca um momento histórico para os moradores do bairro, só foi possível graças ao empenho do prefeito Ferdinando Coutinho e ao apoio do deputado federal e Ministro das Comunicações Juscelino Filho. Juntos, eles conseguiram viabilizar os recursos necessários para transformar a realidade da rua Mário Alves de Carvalho.

"O calçamento da rua Mário Alves é uma conquista para toda a população de Matões. Esta obra representa nosso compromisso em melhorar a infraestrutura da cidade e proporcionar mais qualidade de vida para nossos moradores", destacou o prefeito Ferdinando Coutinho.

A obra de calçamento da rua Mário Alves de Carvalho faz parte de um amplo pacote de obras planejado pela gestão do prefeito Ferdinando Coutinho para o ano de 2024. Entre as ações previstas, estão o asfaltamento da estrada que liga Matões ao povoado Santa Luzia, a construção de uma escola no bairro Oiteiro da Cruz, revitalização do Santuário de Santa Luzia, recuperação de todas as estradas vicinais e mais ações.

(Assessoria)

Nossa Rua Nova: melhorias de infraestrutura chegam a vilas, becos e bairros de Timon

A Prefeitura de Timon tem levado o projeto Nossa Rua Nova para as mais diferentes vias da cidade. Com paralelepípedo ou blocos de concreto, as melhorias de infraestrutura já transformaram dezenas de vias. 

Com recursos próprios, a Prefeitura deu início a pavimentação em paralelepípedo na Rua 06, da Vila União. No Beco 02, do bairro Cidade Nova, o serviço de limpeza já foi iniciado para execução da obra. A Rua 10, do bairro Centro Operário, também será pavimentada. 

Pelo projeto Nossa Rua Nova, executado desde 2021, mais de 200 ruas foram pavimentadas em Timon. 

“Começamos agora a pavimentação em mais ruas, atendendo um pedido da população. São obras que vão melhorar a trafegabilidade e estão sendo realizadas em vários pontos da cidade. Estamos ouvindo a população e investindo recursos próprios”, disse a prefeita Dinair Veloso. 

Recentemente, as ruas 27, do bairro Sete Estrelas e 19, no Planalto Boa Esperança também receberam o mesmo tipo de pavimentação.

Em outra frente de trabalho, com recursos de emendas federais, as ruas José Odécio e 04, e ruas J e 38, no bairro Cajueiro foram pavimentadas em blocos de concreto, este ano.

(Assessoria)

Cláudia Coutinho destaca investimentos em obras importantes no município de Matões

Segundo a parlamentar, os recursos tanto de âmbito federal quanto estadual, para diversas áreas, estão chegando ao município

A deputada Cláudia Coutinho (PDT) destacou, na sessão plenária desta quinta-feira (4), os investimentos do Governo do Estado em obras importantes para a população do município de Matões.

Segundo a parlamentar, os recursos tanto de âmbito federal quanto estadual, para diversas áreas, estão chegando a Matões e sendo aplicados de forma concreta e efetiva para a melhoria da qualidade de vida do povo.

“Os recursos estão chegando e a gente está trabalhando. Na área da Saúde, estamos com uma série de obras em andamento que vão, seguramente, desenvolver e garantir a saúde que todos nós precisamos em nosso estado e município, que é uma saúde de qualidade”, salientou.

Cláudia Coutinho parabenizou o gestor de Matões pelo trabalho realizado e agradeceu o apoio que esse município tem recebido do deputado federal licenciado e ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União Brasil).

(Agência Assembleia)

quinta-feira, 4 de julho de 2024 às 19:13

As convenções estão chegando e Nonatinho segue recebendo novos apoios em Matões

Está se aproximando a data das Convenções Partidárias, que marcam o início do período eleitoral, mas até lá, o pré-candidato a prefeito de Matões, Nonatinho, segue recebendo novos apoios e adesões, mostrando sua força política e de agregação no município.

Por onde passa, o pré-candidato Nonatinho e sua pré-candidata a vice prefeita, Christiane Pinheiro, conquistam mais e mais apoiadores, seja na zona urbana ou na zona rural de Matões. Mostrando para cada cidadão o resultado do que já fizeram pelo município de Matões e as propostas e projetos que tem para fazer o município se desenvolver ainda mais.

Quatro pessoas são presas por tráfico de drogas durante operação da Polícia Civil em Timon

Uma força-tarefa da Polícia Civil do Maranhão foi deflagrada na tarde desta quarta-feira (3), no município de Timon. A ação teve como base investigações coordenadas pela Delegacia de Homicídio e de Proteção à Pessoa (DHPP), que apuram crimes de homicídios ocorridos nos bairros Cidade Nova e Parque Alvorada.

As equipes policiais da delegacia especializada realizavam diligências a fim de coletar indícios criminais em endereços de alvos investigados por homicídio. Em determinado momento das diligências, os policiais abordaram, no Parque Alvorada, um motoqueiro de aplicativo e uma adolescente de 14 anos , que carregava uma bolsa contendo drogas.

A partir daí, os policiais da DHPP, com apoio do Núcleo de Inteligência da PC-MA e do Núcleo de Operações com Cães (NOC), se deslocaram até o endereço de onde a droga teria sido despachada. No imóvel, de propriedade do moto-uber, foram apreendidos tabletes de maconha e crack.

Em números, quatro pessoas foram presas em flagrante e uma adolescente apreendida. Além disso, os policiais localizaram quatro tabletes de maconha e uma barra de crack.

Segundo a delegacia especializada, a principal investigada, que foi presa na ação policial, possui processos criminais por tráfico de drogas no estado da Bahia, onde foi presa com grande quantidade de drogas meses atrás. As informações são da Ascom PCMA.